quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Festival da Canção 1965 - 4º Lugar - Simone de Oliveira "Silhuetas ao Luar"


4º Lugar (em 8 Canções) – 28 Pontos

Título: Silhuetas ao Luar
Intérprete: Simone de Oliveira
Música: João Andrade Santos
Letra: Mª Manuela de Moura Sá Teles Santos
Orquestração: Fernando de Carvalho
Dir. De Orquestra: Fernando de Carvalho

Quem tiver um sonho p'ra sonhar
E amor nascer quiser sentir
Saia numa noite de luar
P'ra a lua ver no céu subir
A estrada de prata que há no ar
Beleza de tantas inspiradas
Tem fama de indiscreta
Pois fica só completa
Com duas silhuetas recortadas
Desenham-se vultos enlaçados
Na faixa brilhante e regular
Imagens retratadas em águas prateadas
Recebem sua bênção do luar
Amor vamos ver o luar
Para ouvirmos calados a voz do mar
Que nos diz quem tem tanto amor no olhar
Tais ternuras e agrados, fogo também é feliz
Não sei p’ra que mundo me dirijo
Guiada p'lo amor que me conduz
Só sei que tu me levas
Que andava envolta em trevas
E agora o meu caminho é todo luz
Só sei que tu me levas
Que andava envolta em trevas
E agora o meu caminho é todo luz

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Recomendamos ...